Minha Transição Capilar

Meu corte de cabelo| Big Chop

Hoje vim aqui falar pra vocês sobre meu ultimo corte de cabelo, ou como muitas costumam chamar, o Big Chop.  Pra quem nunca ouviu falar ou não sabe exatamente do que se trata o Big Chop nada mais é do que corta toda a parte danificada do cabelo, ou seja, aquela parte que tem alisamento, progressiva e química em geral.

Como já mencionei em  um post anterior estou passando pela transição capilar, e acabei resolvendo corta toda a parte do meu cabelo que ainda tinha alisamento.

No meu caso aconteceu de forma bem natural, porque nunca tive muito problema em corta o cabelo.  E como eu optei por passar pela transição usando a chapinha, a cada dois meses eu tinha que corta as pontinhas danificadas. Só que chegou a um ponto que meu cabelo natural estava em um tamanho bom, mas as pontas esticadas deixava o cabelo muito feio, mesmo com ele escovado e chapado, era visível a diferença entre o cabelo da raiz e as pontas.

Confesso pra vocês que quando comecei a pensar em cortar, eu achava que quando eu cortasse o cabelo só iria usar ele natural e que meus problemas com cabelo teriam terminado. Mas vieram algumas dificuldades, aqui na minha cidade não tem nenhum salão especializado em cabelo cacheado ou crespo, e acabei escolhendo um corte que não favorecia meu cabelo a ficar cacheado.

Eu sou uma pessoa muito de momento, não sou de pensar muito antes de decidir as coisas, e com o corte não foi diferente, me deu vontade de corta, passei uma semana procurando um salão para cabelo cacheado, e como não achei, fui em um que tenho costume de ir para escovar.

 

Eu amei o corte, mas não consegui usar o cabelo natural.

Acho que a transição capital é também um processo de aceitação, de nos aceitarmos  como realmente somos, e não dá  pra mudar tudo de uma vez. O corte de cabelo pra mim foi um passo importante porque agora ele está natural, sem nenhum tipo de alisamento e vai ser mais difícil eu ter uma recaída e fazer outra progressiva.

É como largar um vicio um passo de cada vez. E de todo esse processo, acho que o pior sentimento é a vergonha, a vergonha do que as pessoas vão achar, a vergonha das pessoas acharem feio e comentarem sobre seu cabelo, e sem duvida alguma, nesse momento senti um medo absurdo de escutar as mesma piadinhas sobre meu cabelo enrolada que eu escutava quando criança.

Em setembro faz seis meses que cortei toda a parte com química do cabelo, e acho que nesse momento eu estou mais decidida, e mais segura dos meus cachos. Estou preparando meu psicológico para assumir os cachos, afinal é isso que mais quero.

Espero muito que esse post tenha ajudado a todas que estão passando por transição, e estão pensando em fazer o famoso Big Chop!

Cacheadas e futuras cacheadas, me deixem saber o que acharam? Se você já fez o grande corte? E suas conclusões sobre a transição capilar? Vou adorar conhecer melhor vocês, e responder seus comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.